Vaga temporária pode se tornar em primeiro emprego

Notícias

Em datas como o Dia das Mães e Dia dos Namorados o comércio fica cheio de consumidores ávidos pelo presente para a pessoa querida. Quem ganha com isso não é só o comércio, mas também aqueles que procuram por uma vaga temporária. E para quem está procurando o primeiro emprego, esse caminho pode ser uma porta de entrada para o mercado de trabalho.

Cerca de 4,5 mil jovens em situação de primeiro emprego foram contratados para trabalhar como temporários no último Dia das Mães, revelou uma pesquisa encomendada pela Associação Brasileira das Empresas de Serviços Terceirizáveis e de Trabalho Temporário (Asserttem) e Sindeprestem ao Instituto de Pesquisa Manager (Ipema). O número representa 15% dos temporários contratados para a data, que foi de 30 mil trabalhadores, atendendo às expectativas da associação. Outros 26 mil vieram da Páscoa com contratos prorrogados. Do total de 56 mil temporários que trabalharam no Dia das Mães, 10% foram efetivados.

Mesmo sem saber precisar números, Antônio Miguel Espolador, vice-presidente da Associação Comercial do Paraná (ACP) afirmou que o emprego temporário no Paraná cresceu muito no último ano. ”Com esta nova situação de emprego no País com desemprego muito baixo, o primeiro emprego tem sido bem mais valorizado. Os jovens têm aproveitado para ingressar no mercado de trabalho e o comércio aproveita a oportunidade para moldar o profissional de acordo com o formato de trabalho que deseja”, acrescentou.

De acordo com a vice-presidente da Asserttem, Márcia Constantini, o número de jovens em situação de primeiro emprego contratados como temporários prova que essas vagas são uma boa oportunidade para os jovens que estão ingressando no mercado de trabalho. E mesmo que ele não seja contratado, já conta como experiência para uma futura vaga.

Fonte: Folhaweb.com